Balanço 2019 | Destaques | Impactos | Adoção | Ações Sociais | Prêmios
Foto: Gabriel Resende Faria
Foto: Gabriel Resende Faria
Inoculação Fósforo | Sisteminha | Tambaqui certificado | Uva Vitória | Soja 5601RR | Plataforma AgroAPI | Capim Kurumi | Drawback aves

Bactérias permitem às plantas absorver Fósforo do solo, substituindo o fertilizante mineral

A importação de fertilizantes minerais é um dos principais fatores do aumento no custo de produção de grãos no País. O Brasil, por sua vez, gastou, em média, 2 bilhões de dólares com a importação desses insumos nos últimos 10 anos. No entanto, a maior parte dos minerais fornecidos por esses fertilizantes fica espalhada no solo e acaba não sendo aproveitada pelas plantas, como no caso do fósforo. Quase metade desse mineral aplicado na agricultura em forma de fertilizante nos últimos 50 anos permaneceu na terra. Isso significa que estava disponível uma reserva superior a 40 bilhões de dólares em fertilizantes não utilizados nas fazendas, mas que necessitavam de uma solução tecnológica para que as plantas pudessem absorvê-los.

Para tanto, a Embrapa identificou duas bactérias capazes de solubilizar o fósforo do solo para cultivos de milho, soja, algodão, entre outros. Uma parceria estabelecida em 2016 com a empresa Simbiose, de Cruz Alta, RS, resultou no primeiro inoculante biológico para absorção de fósforo do Brasil: o BiomaPhos. O produto foi lançado em 2019 e utilizado em mais de 200 mil hectares em nove estados (MT, MS, PA, PR, TO, BA, PR, RS, GO, MG, SP, RR), com resultados preliminares mostrando aumentos médios de produção de grãos de cerca de 10%, ou seja, um ganho de até 10 sacas por hectare. Pesquisas já indicam que a inoculação combinada com a adubação reduzida de superfosfato triplo pode diminuir o gasto dos produtores com fertilizantes, os riscos de contaminação da água por nutrientes, as emissões de CO2 na atmosfera e, ainda, economizar divisas na importação de fertilizantes. O advento de uma solução tecnológica como essa pode, portanto, resultar no aumento da competitividade da agricultura nacional.

Mais informações: https://www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/45773416/produto-com-tecnologia-brasileira-pode-reverter-dependencia-externa-por-adubos-fosfatados

Balanços anteriores | Unidades | Fale conosco | SAC


Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa)

Secretaria de Desenvolvimento Institucional (SDI)
Secretaria Geral da Embrapa (SGE)
Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas (SIRE)

Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433